Portuguese English French German

Informações

PERGUNTAS FREQUÊNTES

INFORMAÇÃO TÉCNICAS

A Pedra Natural é um revestimento de elevada qualidade que cumpre todos os requisitos técnicos, físicos e construtivos necessários para realizar uma boa obra. Tem uma maior duração e um custo de manutenção inferior quando comparado com outros materiais, como o grés ou a pedra artificial. A resistência da Pedra Natural pode ser potenciada com um bom tratamento e uma correta manutenção.

Poderá sempre ocorrer ligeiras variações de cor, tom, granularidade e padrão pois trata-se de um produto natural. As fotos e amostras são apenas uma ajuda para escolher qual a pedra pretendida.
As amostras que vê no computador, foram digitalizadas e guardadas como imagens. Os tons apresentados podem variar consoante os diversos sistemas de computadores.

A pedra natural só parte em casos de abuso severo, com um martelo ou uma ferramenta de impacto. Uma lasca pode ser preenchida com uma mistura de pó de granito e cola epóxi. Se partir o seu elemento em pedra, não deite fora o pedaço, é possível usá-lo para corrigir o elemento, mas terá que ter a noção de que a colagem será sempre visível tornando o elemento mais frágil.
Com o uso regular dificilmente se fissura uma pedra natural, é mais suscetível de abrir fissuras durante o transporte e durante a instalação.

Sim, o granito tem poros e microfissuras naturais que fazem parte da sua estrutura. Alguns tipos de pedra tem mais destas características do que outros e os poros podem ser minimizados, aplicando um impermeabilizante na sua superfície.

A visibilidade das emendas dependerá da granularidade, cor e padrão. Um grão pequeno, uniforme será tão evidente como um grão de variedade maior. Uma cor escura será menos aparente do que uma cor clara. Um padrão dramático com faixas de cor mostrará mais as emendas do que um padrão uniforme. A maioria dos clientes tem concluído que a beleza natural do granito supera a preocupação com as emendas.

  • Golpes de alto impacto.
  • Produtos limpeza inadequados (detergentes ácidos).
  • Produtos alimentares (vinhos, vinagre, sumo de limão, óleo, etc).
  • O desgaste físico devido ao atrito e utilização (trafego de pessoas, utilização de esponjas abrasivas).
  • Agentes atmosféricos (sol, chuva, etc).

O calor das panelas ou líquidos quentes não afetará o granito em circunstâncias normais.

INFORMAÇÃO SOBRE MANUTENÇÃO E LIMPEZA DE GRANITOS

Para a limpeza basta utilizar água, porém quando se quer limpar ou desinfetar deve-se aplicar unicamente detergentes neutros com um PH compreendido entre 7 e 10. Não se deve aplicar detergentes agressivos como lixívias, amoníacos, anti- calcários, entre outros. Não se deve utilizar na limpeza utensílios metálicos para evitar riscos em lugares não desejados. No caso de ocorrerem manchas, deve limpá-las com água com sabão e, caso persistem, deve consultar pessoas especializadas.

TIPO DE MANCHA DETERGENTE

*Extra info

Azeite Ácido muito diluído (Vinagre Diluído)

*Quando utizar Lexivia com detergente, faç-o de forma diluida.

*Por norma aconselha-se que começe por pequenas concentrações, ou diluir ao máximo e ir aumentando.

*É importante saber que a àgua quente tem um poder de limpeza superior ao da àgua fria.

*Lembre-se que a pedra natural com a passagem do tempo pode ser regenerada, atrav´s do polimento da superficie, voltando assim a recuperar o acabamento inicial.

Gordura Bicarbonato e agua morna
Vinho Detergente alcalino diluído
Café Detergente diluído*
Sangue Detergente diluído*
Tinta Detergente diluído*
Pintura Detergente de pintura e enxaguar com muita agua
Betume Acetona e enxaguar com muita agua

 

Um dos cuidados que se deve tomar para manter o tampo bem conservado é passar hidrofugante anualmente na sua superfície. Assim, garante que o granito mantenha sua impermeabilidade e não absorva líquidos que forem derramados sobre ele. Não se deve utilizar produtos químicos abrasivos, detergentes com ácidos (como vinagre) para fazer a limpeza do tampo, pois essas substâncias podem deixar manchas e riscos.
Alimentos como refrigerantes, vinagre e sumo de limão devem ser mantidos longe do seu tampo, ou se caírem, devem ser retirados rapidamente para impedir que eles deixem marca. Qualquer coisa que for derramada sobre o tampo deve ser limpa o mais rapidamente possível, assim garante que ficará livre de manchas.
Outra dica, é que nunca se deve usar o tampo de granito como uma tábua de cortar pois deixará riscos e arruinará as suas facas.

1.Utilizar vassoura de pelo macio (diariamente).
2.Nunca deitar a água diretamente sobre o pavimento, nem o detergente.
3.Utilizar detergente Ph neutro diluído em água (conforme especificação do fabricante).
4.Torcer o pano molhado de forma a ficar apenas húmido e passar sobre o pavimento depois secá-lo com um pano macio e limpo.

No caso de manchas causadas por absorção de algum produto na pedra, nunca deve tentar retirá-la a revelia, procure sempre um especialista antes de quaisquer procedimentos, pois alguns componentes ocasionam manchas.
Deve-se proteger pés de vasos e cadeiras com feltros ou materiais que evitem causar riscos ou manchas (por exemplo, ferrugem em pés de vasos). Em áreas onde exista probabilidade de contato com líquidos, café, refrigerante, óleo, comida ou quaisquer outros elementos que possam ocasionar manchas, é aconselhável a aplicação de protetores contra manchas.
A durabilidade do brilho ou das características naturais da pedra dependem dos agentes químicos acima mencionados, do desgaste físico devido ao atrito e utilização. Para amenizar o desgaste devido a abrasão promovida pelo tráfego exercido sobre o pavimento, recomenda-se a utilização de tapetes nas entradas para retirada das partículas sólidas (grãos de areia) agarradas aos sapatos.

Não deixar restos de palha-de-aço, ferro ou outros agentes em contato com o mármore ou granito, visto que em pouco tempo eles enferrujam manchando a superfície.
Evitar de colocar produtos, panelas ou recipientes quentes ou muito frios diretamente sobre os mármores ou granitos, apesar da sua resistência a altas e baixas temperaturas. Usar sempre bases.
Produtos com ácidos, gordura, tintas, corantes, perfumes, sabonetes, vidros, cigarro etc., podem manchar os mármores e granitos se em contato com o mesmo. Existem técnicas especiais para tentar retirá-las. Não usar produtos “caseiros”. Aconselhamos a procura de empresas especializadas para orientação de “como proceder”.
Os mármores e granitos não devem ficar em contato madeira de qualquer espécie, pois podem formar manchas de tonalidade castanha. Durante a fase da obra proteger a superfície do desgaste abrasivo e risco através de metais, areia, vidros e outros materiais duros.

INFORMAÇÃO SOBRE ASSENTAMENTO

1. Lembrar de limpar sempre as áreas onde serão aplicados os mármores e granitos para ver se não há restos de pó de madeira, ferro, fumo etc.

2. Agentes presentes no contra piso ou base das paredes podem ser absorvidos pelas pedras, surgindo na sua face externa (polida).

1. Impermeabilizar o suporte (piso, paredes húmidas, etc.)

2. Em ambientes molhados (cozinhas, casas de banho, áreas de serviços etc.), especialmente quando for material claro, utilizar argamassa branca misturada com Sika Top, por exemplo.

3.Utilizar sempre que possível um bom cimento-cola.